A recordar amigos únicos!

Olá Leitores!

Hoje trago-vos um post com a etiqueta Personal! 

E o meu pensamento hoje esteve com o meu mais fiel amigo! Recordo-o todos os dias, vive em todas as coisas que faço, mas hoje fez 3 anos que partiu para uma outra dimensão qualquer. 


Um casal amigo falou-nos da personalidade da raça, mas - em boa verdade - nunca tinha entendido o que queriam dizer com "corajoso, destemido, forte, protector, meigo e com carácter nobre, etc." Entendi-o depois de conviver 10 anos com o meu fiel amigo. Adjectivos como "corajoso", "destemido", "nobreza" de carácter assumiram especial relevância nos seus dois, três últimos dias de vida. Não que não fizessem sentido antes, mas perto do seu fim, ele revelou-se de uma coragem e persistência únicas. Lutou até ao fim, com toda a sua dignidade (a que lhe foi possível), com toda a sua nobreza de carácter. 


Eis o que aprendi com ele: Aproveita a vida, mesmo com dor na alma ou física, até ao último suspiro. Segundo, é preciso aceitar a perda física... é preciso aceitar que o amor não salva vidas (como cheguei a pensar!), mas tudo o resto fica connosco e vive em nós todos os dias! A saudade...essa permanecerá...sempre. 






Share:

0 comentários

Obrigada pela sua visita e pelo seu comentário! São os vossos comentários que movem este blog! As respostas serão dadas por aqui! Voltem sempre!